REPORTAGEM RIR: Lúcia Moniz, Tiago Bettencourt e D'zrt

Música portuguesa abriu ambos os palcos no dia com público mais jovem do festival da Bela Vista.
Lúcia Moniz, Tiago Bettencourt e D'zrt foram os primeiros a actuar ao quarto dia de Rock in Rio, seguramente aquele com o público mais jovem do festival da Bela Vista.

Ainda não eram cinco da tarde e já Lúcia Moniz actuava no Palco Sunset com os lisboetas Mister Lizard. Dois anos após ter subido ao mesmo palco, na altura com Ricardo Azevedo, há que dizer sem rodeios que foi bastante feliz este casamento entre o pop rock da cantora e o funk com alma da banda liderada pelo guitarrista inglês Anthony John.

Sem álbum novo desde 2005, a cantora, actriz e 'mamã' Lúcia Moniz continua em plena forma e conquistou o público com a sua garra, simpatia, simplicidade e poder interpretativo. De guitarra acustica em punho, a cantora revisitou os seus três álbuns, "Magnolia", "67" e "Leva-me Pra Casa". 11 anos após ter sido editada, 'Dizer Que Não' continua na memória do público e foi um dos temas mais celebrados, juntamente com 'Back To Africa'. Do alinhamento constaram ainda 'Chuva', 'Sou Como A Noite' e 'Wait'. Esta última, num brilhante dueto com Anthony, encerrou um concerto recheado de boa disposição, que só falhou por ter sido curto. Além de ser uma das melhores actrizes da sua geração, Lúcia Moniz continua a ser uma autêntica guerreira em palco e uma grande intérprete. No final do espectáculo confessou à MTV Portugal que está «a gravar um novo álbum. Sem pressões. Mas não vai demorar seis anos».

Com novo álbum, "Em Fuga", recentemente editado, Tiago Bettencourt foi o senhor que se seguiu no Sunset. Acompanhado pela brasileira Tiê e pelos seus Mantha, o músico abrandou o ritmo acelerado do funk e pop rock do espectáculo anterior com as suas composições calmas. 'Chocámos Tu E Eu', 'Mais Uma Volta' e 'Tens Que Largar a Mão' levaram o publico a sentar-se para apreciar a música e as pianadas do ex-Toranja. Ouvimos ainda 'Dois' e 'Passarinho', do álbum "Sweet Jardim", de Tiê, cujo registo faz lembrar Adriana Calcanhotto. 'Canção Simples', do primeiro álbum a solo de Tiago Bettencourt, "O Jardim", foi uma das músicas mais aplaudidas.

Ainda Bettencourt tocava e já rumávamos em direcção ao Palco Mundo, com abertura a cargo dos D'zrt. A banda que terminou de forma apoteótica e depois se reuniu novamente para gravar o álbum "D'zrt Project" fez as delicias da pequenada que veio ao Rock In Rio. Edmundo, Angélico, Vintém e Cifrão deixaram o publico em plena histeria ao som de músicas que todos bem conhecemos, como 'Verão Azul', 'Para Mim Tanto Me Faz' ou a recente 'Feeling'.

Alinhamento do concerto de Lúcia Moniz:
Lazarus
Chuva
I Feel Good
Higher
Sou Como A Noite
Back To Africa
Dizer Que Não
Wait


Alinhamento do concerto dos D'zrt:
Intro Live D'zrt
Enquanto Não Vencer
Caminho A Seguir
Feeling
Filosofia
Verão Azul
Onde Estás
Dzrt Revolução
Querer Voltar
Nada a Temer
Para Mim Tanto Me Faz
Feeling

Fonte: MTV Portugal
Enviar um comentário