quinta-feira

Conta-me Histórias - Lúcia Moniz - Vila Nova de Cerveira 24/04/2015


6º Concerto - Big Band M. Nazaré c/ Lúcia Moniz




9/05/2015


Sax Alto: Joaquim Pequicho e Nuno Mendes; Sax Tenor: João Capinha e Pedro Morais; Sax Barítono: Ricardo Cipriano; Trompete: Vítor Guerreiro, Margarida Louro, Luís Guerreiro e André Venâncio; Trombones: Rui Correia, Élio Fróis, André Ramalhais e Fábio Matias; Guitarra: Gonçalo Justino; Piano: Ricardo Caldeira; Baixo: Tiago Lopes; Bateria: Bruno Monteiro; Voz: Júlia Valentim e Lúcia Moniz; Direcção: Adelino Mota Lúcia Moniz é uma das mais versáteis cantoras portuguesas da actualidade, como comprova o sucesso que tem sido a sua carreira, como cantora e como actriz. Tem tido prestações notáveis como convidada de outras músicas e de prestigiados músicos. A sua versatilidade permite-lhe interpretar de forma sublime vários standards de jazz, aqui com arranjos fantásticos e com toda a capacidade sonora de uma Big Band. O concerto conta também com a presença da cantora residente da Big Band, a Júlia Valentim. A Big Band do Município da Nazaré formou-se em Setembro de 1999, e desde então fez Concertos em Portugal, Espanha, Bélgica e Alemanha, destacando-se a participação no Festival de Jazz de Pontevedra, Festival de Música de Medina del Campo, Jazz às Quintas no CCB, Festival de Jazz da Alta Estremadura, Festival de Jazz de Aljustrel, Festival de Jazz de Portalegre, Festa do Jazz no Teatro S. Luís, nos Encontros de Jazz de Évora (com Carlos Martins como convidado), Festival de Tomar, Palco 1º de Maio da Festa do Avante, Hot Club de Portugal, Bflat em Matosinhos, no Festival “A Arte da Big Band” em Lisboa, no Estarrejazz e no Portugal Jazz em diversas localidades, entre outros. Gravou 4 Cds (2003, 2006, 2009 e 2012). Todos receberam excelentes críticas e passaram em destaque nas principais rádios. O último foi gravado ao Vivo no CCC em Caldas da Rainha.


Fonte: Viral Agenda












ORFEÃO EDMUNDO MACHADO OLIVEIRA 22/06 e 29/06



Da música clássica à música popular portuguesa, passando pelos temas tradicionais açorianos, o Orfeão Edmundo Machado Oliveira conta com um reportório vasto e variado.

Com raízes no arquipélago açoriano, os 46 coristas fazem-se acompanhar peloensemble e pelo coro num concerto único dirigido pela maestrina Cristiana Spadaro. Inserido no 41º Festival Estoril Lisboa, neste concerto o Orfeão conta ainda com as participações especiais de Katia Guerreiro, Ricardo Ribeiro e Lúcia Moniz e, na guitarra portuguesa, Pedro de Castro!

Lúcia Moniz - "Os Nossos Dias" - Agora Nós

Lúcia Moniz - "Os Nossos Dias" - Agora Nós

Susana canta "Nosso dia" | Bem-vindos a Beirais | RTP

Susana canta "Nosso dia" | Bem-vindos a Beirais | RTP

2ª Semifinal RTP Festival da Canção 2015





Fotos

"O meu coração não tem cor" - Lúcia Moniz - Festival da Canção 2015 - RTP



"O meu coração não tem cor" - Lúcia Moniz - Festival da Canção 2015 - RTP

74.14 no Coliseu do Porto







Depois do sucesso do espetáculo que comemorou quatro décadas de música, Henrique Feist "conquistou" o Coliseu do Porto

"74.14 - 40 Anos de Música" o espetáculo de Henrique Feist apoiado pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa subiu esta sexta e sábado, 27 e 28 de fevereiro, ao palco do Coliseu do Porto.

Depois do sucesso de junho passado no Coliseu de Lisboa, o êxito repetiu-se, desta vez, no Porto.

Aproveitando as comemorações dos 40 anos após a revolução do 25 de abril, Henrique Feist decidiu reunir músicas, nacionais e de vários países, que foram êxito desde os anos 70 aos dias de hoje. Destaca, sobretudo, o "gosto" que foi "investigar a produção musical das várias décadas e filtrá-la para uma escolha", explica, sublinhando que "foi um grande desafio".

Satisfeito, Henrique Feist referiu a "recetividade do público do Porto" ao espetáculo que demorou cinco meses a preparar, frisando que, sem o apoio da Santa Casa, ele não seria possível.
A sessão deste sábado à tarde foi exclusivamente destinada aos colaboradores da Santa Casa e instituições parceiras, que puderam recordar muitas canções que fizeram parte da sua infância e adolescência. À noite, o Coliseu abriu portas ao grande público.

Durante três horas, Lúcia Moniz, FF, Rui Andrade, Susy e Vanessa, acompanhados de jovens cantores e bailarinos interpretaram um "medley", com músicas de sucesso das últimas quatro décadas. Temas portugueses, italianos, espanhóis, franceses, africanos, brasileiros e anglo-saxónicos, entre os quais se incluíram-se canções de Sérgio Godinho, Rui Veloso, José Cid, Caetano Veloso, Cesária Évora, Abba, Tina Turner, Vaya con Dios e Madonna.
As coreografias são de Clare Feist e de Marco Mercier e a produção do espetáculo esteve a cargo da Artfeist e Buzico - produções artísticas.

A Santa Casa continua, assim, a reafirmar o seu apoio aos artistas nacionais e à cultura portuguesa, fazendo chegar a arte, em todas as suas manifestações, a públicos e a palcos cada vez mais diversificados.



Fonte:Santa Casa da Misericórdia