terça-feira

Tózé Brito celebra 40 anos de carreira com duplo CD

«Vida, canções e amigos» é o título de um duplo CD que reúne um conjunto de canções, música ou letra, assinadas por Tózé Brito e interpretadas por diferentes nomes do panorama musical português, além do próprio.


Os dois CD, editados pela Farol, estão «arrumados» em sete capítulos e incluem nomes como Carlos do Carmo, Doce, Tony de Matos, Simone de Oliveira ou Ana Moura.

O primeiro CD divide-se em «êxitos populares», «festivais», «cinema e televisão» e «instrumentais».

«Recordar é viver», por Vítor Espadinha, «Vinte anos» pelos Green Windows, ou «Pensando em ti» pelos Gemini, dois agrupamentos de que Tózé Brito fez parte, são alguns dos êxitos populares.

No capítulo «festivais» estão incluídos, entre outros, «À tua espera», com que Simone de Oliveira representou Portugal no Festival da OTI, em 1980, «Doce», com que o homónimo grupo feminino concorreu ao Festival RTP, também em 1980, e «Penso em ti (eu sei)», que deu a vitória a Adelaide Ferreira no Festival RTP de 1985.

No capítulo de «Cinema e televisão» está, por exemplo, «Retalhos», cantado por Carlos do Carmo e que foi o genérico da série televisiva «Retalhos da vida de um médico», baseada no romance homónimo de Fernando Namora.

O primeiro CD inclui ainda três instrumentais da autoria de Tozé Brito: «Recepção», «Elevador III» e «Nascer do sol».

O segundo CD divide-se em três capítulos: «Histórias», «Outras histórias» e «Fados», este último com as vozes de Ana Moura, Rodrigo e Carlos do Carmo.

Nos dois capítulos relativos às histórias estão canções como «Até já», interpretada por Tozé Brito, «Depois de ti», por José Cid, «Eu tão só», por Tony de Matos, e «A vida segue lá fora», por Lúcia Moniz.

Esta edição discográfica celebra 40 anos da vida de Tózé Brito dedicados à música, desde a década de 1960, quando formou vários grupos de rock, como o Grupo 4 ou os Pop Five ou ainda o Quarteto 1111, passando pelas décadas de 1970 e 1980, quando o seu nome surgiu nos mais distintos planos musicais, desde a adaptação de músicas para séries de televisão a uma carreira a solo, e a década de 1990, durante a qual continuou a escrever e a compor, a par das responsabilidades como director da Universal Music Portugal.

Tózé Brito é o nome por que é conhecido António José Correira de Brito, nascido no Porto faz hoje 56 anos.

Começando nas cantigas em finais da década de 1960, em 1978, 30 anos depois da sua estreia como músico nos Pop Five, foi o responsável pelos Artistas e Repertório na Polygram, transitou depois para a BMG em 1990 e, em 1998, fundou a sua própria discográfica, que dirigiu até 2000, ano em assume a presidência da Universal Music Portugal.

O duplo CD agora editado reflecte a sua vertente de compositor e letrista, pois, como intérprete, segundo o próprio, nunca se sentiu bem, apesar de ter integrado vários grupos e participado mesmo em festivais.

A sua primeira participação num festival foi em 1972 com «Se quiseres ouvir cantar», 5.º lugar no Festival RTP. Voltou como intérprete em 1979, ao lado de Paulo de Carvalho, para gravar «Olá. Então como vais?», a primeira faixa desta edição discográfica.

Fonte:Diário Digital

sexta-feira

momentos especiais


Momentos únicos vividos pelo fórum vingança partilhados pela joaninha-obrigada :)

quinta-feira

fotos

Foto de promoção ao grupo Terra d'água



Foto de promoção ao album 67

Entrevista Diário de Noticias







Acordes

“Dizer Que Não” de Lúcia Moniz


Acordes Utilizados:

G 320033
C x32010
D xx0232


G C D
diz-lhe que não, diz-lhe que tudo acabou
C D C D
que é sempre mais feliz aquele que mais amou

G
chega de juras de amor
C D
promessas de amor eterno
C D
para algum tempo depois
C D
voltarmos ao mesmo inferno

C D
por vezes é mesmo assim
C D
não há outra solução
C D
doi muito dizer que sim
C D
doi menos dizer que não


Refrão:
G D
Yeah Yeah
C D
Laaa Laa Laaa Yeah
C D
Laaa Laa Laaa Yeah
C D
Laaa Laa Laaa Yeah



G C D
diz-lhe que não, diz-lhe que tudo acabou
C D C D
que é sempre mais feliz aquele que mais amou
G C D
diz-lhe que chega de ouvi as frazes habituais
C D C D
chamam-me a maior paixão da vida, coisas banais

C D
maior ou não pouco importa
C D
ser a única isso sim
C D
diz-lhe que não me enganou
C D
enganou-se ele por mim


Refrão:
G D
Yeah Yeah
C D
Laaa Laa Laaa Yeah
C D
Laaa Laa Laaa Yeah
C D
Laaa Laa Laaa Yeah



G C D
diz-lhe que não, está na hora de acabar
C D C D G D
mas por favor não lhe digas que ainda me viste chorar Yeah Yeah


Refrão:

G D
Yeah Yeah
C D
Laaa Laa Laaa Yeah
C D
Laaa Laa Laaa Yeah
C D
Laaa Laa Laaa Yeah



Perdida por ti

http://ipato.org/qpt/lucia_moniz/perdida_por_ti_cho.pdf

O meu coração não tem cor

http://ipato.org/qpt/lucia_moniz/o_meu_coracao_nao_tem_cor_lyr.pdf

terça-feira

Concerto de 5 de Agosto-Fotos e Videos

videos:







Canção de embalar


Que o amor não me engana





Concerto:






Ora cá vai:

sound check





Obrigada ao forum: http://forum.vinganca.net (em particular à joaninha e titinha)

PS: era impossivel colocar aqui todas as fotos como tal quem estiver interessado vá ao forum :)

segunda-feira

Vejam só isto...



Reparem neste video, ouçam o final, conseguem reconhecer esta voz!?

sábado

No passado sábado realizou-se o primeiro encontro do forum vinganca.net! Foi um dia inesquecível!

O que era suposto ser apenas um almoço, foi muito mais que isso.

Depois de todos chegarem, lá nos dirigimos para o restaurante Santiago sem saber o que se avizinhava. O ambiente era espetacular, afinal estavamos todos unidos pelo mesmo "vício"... a Vingança! Contudo, quando nos demos conta estavam a chegar a Lúcia Moniz e a Carla Chambel. Lá vinham elas, muito divertidas e à vontade. Só demonstraram aquilo que nós já pensávamos delas... pessoas muito acessíveis!

Mas as surpresas ainda estavam longe de acabar, uma vez que a Lúcia disse que ainda estava para chegar mais uma pessoa. Claro que nós pensámos logo que seria o Diogo Morgado, mas quando ele entrou foi a alegria total. À semelhança da Lúcia e da Carla também superou as nossas expectativas.

A Lúcia fez-nos ainda uma surpresa, fazendo com que também nos visitasse o Paulo Rocha, a principio todos pensávamos que ele estaria no Algarve, mas como ela estava a explicar-lhe ao telefone muito "insistentemente" onde era o restaurante, nós ficámos "alerta".. Foi então, que chegou o Paulo! Estava reunido o "quarteto fantástico", no entanto este "quarteto" poderia ser alargado para um número bem maior...

Ainda tivemos oportunidade de ouvir o Rui Luís Brás e o Nuno Melo ao telemóvel a mandarem beijinhos para todos.

A Lúcia, a Carla, o Diogo e o Paulo responderam às nossas perguntas, deram autógrafos, tiraram fotografias com todos nós, sempre de bom humor e muito prestáveis, facto este que temos que agradecer! Muito obrigada por nos terem brindado com a vossa presença e especialmente por nos terem tratado tão bem, entrando nas nossas brincadeiras!

Enganem-se se pensam que o dia havia acabado aqui! Nós ainda nos fizemos de convidados para ir assistir, à noite, às gravações de uma das últimas cenas da Vingança. Mais uma vez o ambiente era fantástico, tanto entre nós, os membros e podemos dizer, Amigos do forum, como com a Lúcia, Carla, Diogo e Paulo, e também com o pessoal da equipa técnica da novela, pois deixaram-nos totalmente à vontade.

Aqui ficam algumas fotografias deste grande dia:




Fonte:http://www.vinganca.net

Anjos gravam com Lúcia Moniz







A boa disposição reinou nos estúdios entre cantores e actriz

A banda sonora da novela interpretada pelos Anjos , que já é disco de platina, conta agora com mais um tema com teledisco.

Trata-se de "Perto de ti", a música que serve de pano de fundo às cenas da médica Laura.

Os Anjos forma aos estudios da Contracampo, onde decorre a gravação da "Vingança", para gravar o videoclip com a colaboração de Lúcia Moniz- que dá vida à personagem.

A boa disposição foi uma constante.

O resultado final começará a ser exibido em meados de Agosto.