terça-feira

Lúcia Moniz é premiada com o Prémio MAC 2016 Teatro, cinema, tv compositora



A 7 de Julho de 2016 o MAC (Movimento de Arte Contemporânea) festejou o 22º aniversário com uma grande exposição de artistas consagrados e emergentes, onde foram entregues os prémios MAC 2016 troféu executado pelo grande Professor Escultor JOÃO DUARTE artista largamente premiado tanto em Portugal como internacionalmente.

Este ano na categoria Prémio MAC 2016 Teatro, cinema, tv compositora foi entregue a Lúcia Moniz, João Vicente que faz o papel Vasco na novela "Coração D'Ouro" da SIC também foi premiado com o prémio Prémio MAC revelação 2016. Ambos os atores receberam o prémio no espetáculo "Alice no Jardim das Maravilhas" em exibição em Cascais até ao final do mês.




"Diz ser-lhe difícil exprimir-se por palavras, talvez por isso nos tenha habituado a um sorriso terno, franco, rápido, que deixa transparecer um coração cheio de ideias e inquietações, consumido por sobressaltos que lhe interpelam a serenidade e a desafiam a enfrentar mais e novos desafios.
Portugal viu-a crescer, conservando o ar de menina doce e tranquila. Viu-a partir pelo mundo, dignificando e elevando a língua portuguesa eas nossas tradições.
É nómada e errante, mas regressa sempre.
Viajando pela música, televisão, cinema ou teatro, passando até pela fotografia, as suas prestações nunca nos deixam indiferentes, e os seus êxitos fazem parte de um repertório de memórias e imagens que habitam o imaginário coletivo do país.
A sua tez é de candura, mas nas veias há-de correr-lhe um sangue enérgico, fervilhante, próprio de quem herda a genética das artes, potenciada em múltiplos talentos, em múltiplos palcos.

Hoje, no palco do Teatro…., reconhecendo-a como uma das figuras mais acarinhadas e respeitadas da cena artística nacional, o MAC – Movimento Arte Contemporânea, homenageia a actriz, a cantora e a compositora LÚCIA MONIZ, com o Prémio MAC` 2016 Teatro , cinema, televisão, Compositora."
Álvaro Lobato de Faria - Diretor do Movimento de Arte Contemporânea









Lúcia Moniz é a nova embaixadora do Unique Hair and Body Clinic










Para Lúcia Moniz este projecto também é bastante importante, pois afirma: “O meu cabelo é uma parte importante da minha autoconfiança, o que na minha carreira não podia ser mais importante. E não podia estar em melhores mãos!”


Para além de Lúcia Moniz, Oceana Basílio, Custódia Gallego, Frederico Gil, Sancha Trindade, Sara Calisto, Sofia Novais de Paula e Inês Ribeiro já integram a lista de personalidades associadas ao espaço.


Recorde-se que o hairstylist celebrou, no passado mês de Junho, 20 anos de carreira, bem como os 10 anos de existência do espaço UNIQUE.


Fonte: Shopping Spirit

Quase Normal



Considerado o musical de maior sucesso da temporada 2009/2010. "Quase Normal" - (Next To Normal) é a história de uma família que pretende levar uma vida normal e enfrenta a adversidade passando por um misto de emoções que nos divertem, que nos renovam e que nos comovem pelas semelhanças que encontramos entre o que ocorre em cena e tudo aquilo que se passa nas nossas próprias vidas. A história apresenta uma família "quase normal". Diana, uma dona de casa que luta contra a bipolaridade; Dan, o seu marido, que luta para deixar a família unida; Natalie, a filha problemática que tem uma péssima relação com a sua mãe e que sonha em fugir de casa; Gabe, o filho praticamente perfeito que deseja se manter para sempre presente. Quase Normal revolucionou o género musical da Broadway e tem divertido e comovido salas em quase todo o mundo. O musical estreou-se Off Broadway em 2008 e venceu o prémio dos Outer Critics' Circle Award para Best Score (Melhor Partitura) bem como duas nomeações para os Drama Desk Awards nas categorias de Melhor Actriz e Melhor Partitura.. Após a sua temporada Off-Broadway chega à Broadway em 2009. Foi considerado o musical de maior sucesso da temporada 2009/2010. Foi nomeado para 11 Tonys vencendo 3 – Melhor Partitura, Melhor Orquestração e Melhor Actriz. Venceu também o Prémio Pulitzer para Drama em 2010 sendo o oitavo musical de sempre a receber esta honra. É unanimamente considerado um "poderoso musical rock que lida com questões de doenças mentais numa família suburbana, alargando assim a panóplia de assuntos que podem ser explorados em musicais" Tem estado em tournée até hoje nos Estados Unidos, após a finalização da sua temporada fixa na Broadway. Devido ao seu enorme sucesso, vários países já apresentaram este musical nas suas línguas nativas: Escandinávia - 2010 a 2012. Austrália – 2012 a … Perú 2011 Argentina – 2012 a 2015 Brazil – 2012 a 2013 Países Baixos – 2012 Israel – 2012 a … Alemanha – 2013 a 2015 Austria – 2014 a … Nova Zelândia – 2014 Itália - 2015 Desde 2009 que Henrique Feist tinha o desejo de apresentar e encenar este musical. Agora, em 2016, a sua produtora Artfeist finalmente comprou os direitos deste musical. Já confirmados no elenco estão Lúcia Moniz, Mariana Pacheco e Henrique Feist. A direcção musical será de Nuno Feist. Será apresentado no Auditório do Casino Estoril a partir do mês de Outubro.

Fonte: Correio da Manhã

segunda-feira

REFRIGERANTES E CANÇÕES DE AMOR - Trailer

Alice no Jardim das Maravilhas - Hardmusica



A peça "Alice no Jardim das Maravilhas", uma produção Palco 13, estará em cena entre 7 e 31 de Julho no parque Marcheal Carmona em Cascais.


Com encenação de Marco Medeiros, Alice no Jardim das Maravilhas traz até Cascais uma Alice madura, adulta e sóbria, onde a inocência perde para o altruísmo.


Esta reinterpretação da história de Lewis Carroll leva-nos a redescobrir o misticismo do parque Marcheal Carmona, induzindo a própria audiência a perder-se neste novo "mundo de maravilhas e mistérios".


Esta é uma viagem entre a demência e a clareza, um zig-zag de estados confusos, dilemas e dilemas que suportam uma procura intensiva por respostas óbvias, impossíveis de encontrar.


Com um elenco de luxo e um palco envolvente, esta é uma peça cativante e inspiradora, que convida a audiência a percorrer o caminho de Alice pela sua própria consciência.


Com performances competentes, estimulantes e impactantes, cada personagem acaba por ganhar o seu próprio protagonismo, como se a peça se tratasse de um aglomerado de histórias diferentes que se cruzam nas alucinações de Alice e na sua busca exaustiva por respostas que não existem.


Porque num mundo onde nada faz sentido "a imaginação é a arma na guerra contra a realidade".





Elenco: Lúcia Moniz, João Jesus, João Vicente, Isac Graça, Alexandre Carvalho, David Ferreira, Gláucia Noémi, Gonçalo Carvalho, Leonor Biscaia, Luís Lobão, Maria Camões, Rita Tristão, Jorge A. Silva, Nuno Gonçalves.


O bilhete normal custa 10 euros e pode ser adquirido nos locais de venda habituais


Fonte: Hardmusica

Notícias de Cascais


Alice no Jardim das Maravilhas - Fotos






































Em cena no Parque Marechal de Cascais às 22h00 até 31/07/2016
Fonte: Palco 13

terça-feira

Palco 13 leva "Alice no Jardim das Maravilhas" ao Parque Marechal Carmona








A companhia de teatro Palco 13 vai estrear, na quinta-feira, 7 de julho, a peça
 "Alice no Jardim das Maravilhas", protagonizada por Lucia Moniz e que decorre no cenário 
natural do Parque Marechal Carmona, em Cascais.
Desengane-se quem espera assistir a uma peça de teatro infantil, já que esta Alice no Jardim das Maravilhas, sendo uma adaptação do clássico de Lewis Carrol, é uma mulher madura, com cerca de 30 anos, confrontada com tentações e envolvida em fantasias, em que a loucura se confunde com a realidade.
O encenador Marco Medeiros explicou à agência Lusa que a peça pretende "justificar a Alice", dando a conhecer os seus dilemas interiores, as suas questões mais profundas, desenvolvendo a ideia de que "a imaginação, ou a loucura, pode ser só a realidade de cada um".

Lucia Moniz dá vida a "Alice" e o Parque Marechal Carmona é o "Jardim das Maravilhas", em que os caminhos estreitos, as pedras, as árvores e as luzes conferem o mistério necessário e exigido.

"Este jardim já é cheio de maravilhas, pela sua beleza natural. Era o cenário certo para esta peça e ter a Lucia a trabalhar connosco é ótimo. Trabalhámos juntos na novela, ela mostrou vontade em fazer teatro connosco e pareceu-me a escolha certa para este papel", explicou Marco Medeiros.

A atriz confirmou a vontade já antiga de participar numa peça da companhia de teatro de Cascais e as suas expectativas, segundo contou, foram superadas.

"Quando via as peças da Palco 13 pensava 'quem me dera estar em palco com eles' e quando o Marco me convidou, nem me preocupei em saber para o que era, aceitei logo. Estou a adorar e o encantamento cresce ainda mais. O coração de cada um deles não cabe neste jardim", afirmou.

Sobre a sua "Alice", Lucia Moniz contou que está sempre a ser confrontada com "muitas maravilhas que entram em choque".

"Tem coisas que a deslumbram e que a tentam, mas sempre em choque. É uma forma mais profunda de abordar o estado de espírito dela, de forma mais séria, e que fala sobre o que nos perturba quando entramos num mundo em que nos sentimos desintegrados", disse.

Com música ao vivo, dança e comédia, "Alice no Jardim das Maravilhas" promete, ao longo de uma hora e meia, prender a atenção do público que, dividido entre o riso e a emoção, facilmente se deixará envolver pela fantasia e poderá sentir-se parte da história.

João Jesus, outro dos protagonistas e que será um dos gatos da Rainha de Copas (interpretada por João Vicente), teve de aprender sapateado, tarefa "difícil", mas que deu "muito prazer".

"Tive menos de um mês a aprender sapateado e fazer aqui no jardim é mais difícil do que onde ensaiámos, mas vai correr bem. É uma personagem muito exigente, longe de ser como a que conhecemos no conto original. Há uma adaptação gigante, mas é muito bom", contou.

Presença já conhecida nas peças da Palco 13, o ator, que vai fazer parte de mais uma novela, assegura que não vai deixar o teatro.

"Nem pensar em deixar o teatro de lado. É isto que me enriquece mais", sublinhou.

O elenco de "Alice no Jardim das Maravilhas" é composto ainda por Rita Tristão da Silva, João Vicente, Leonor Biscaia, Maria Camões, Luís Lobão, Gonçalo Carvalho, David Ferreira, Alexandre Carvalho, Gláucia Noémi e Isaac Graça. A adaptação do clássico original é de Maria João Afonso.

A estreia está marcada para quinta-feira, dia 7 de julho, e pode ser vista de quarta-feira a domingo, às 22:00. Os preços variam entre os oito e os dez euros.