"Trabalhar pro bono foi a nossa forma de colaborar com a causa"








Depois do enorme sucesso em 2003, "Love Actually - O Amor Acontece" regressa, desta vez, no pequeno ecrã. Lúcia Moniz voltou a vestir a pele de Aurélia e garante que a sua personagem está "feliz, mais sofisticada e fala melhor inglês"


14 anos depois, a atriz portuguesa volta a interpretar Aurélia para uma curta sequela de uma das comédias românticas mais populares do grande ecrã. A continuação do filme "Love Actually - O Amor Acontece" vai durar apenas 10 minutos e será exibida na televisão britânica, a propósito do evento anual de angariação de fundos Red Nose Day.

O convite para participar na curta-metragem foi uma surpresa para Lúcia Moniz. "Não estava à espera, embora a esperança nunca acaba", admitiu ao nosso jornal. "O autor do filme [Richard Curtis], que é o fundador da instituição Comic Relief [organizadora do evento], achou que seria muito oportuno fazer este reunião dos atores", justificou.


A atriz viajou até a capital britânica durante "três dias" para gravar a sua participação. "Em 10 minutos, apareço em dois. Foi um dia inteiro a gravar e foi repetir a cena várias vezes". "Foi ótimo reencontra-me com Colin Firth, Richard Curtis e a mulher, Emma Freud", recordou.



Para esta ocasião especial, tanto a equipa técnica como os atores aceitaram colaborar de forma gratuita. "O grande bónus foi reencontrar pessoas da equipa técnica que também tinha feito o filme e que estavam a trabalhar pro bono, aliás como todos nós. Foi a nossa forma de colaborar com a causa e foi muito bonito ver uma equipa gigante e de grande profissionais envolvidos no projeto", contou.


"Muito feliz" pela continuidade do filme, Lúcia Moniz não lamenta que este tenha apenas 10 minutos de duração. O reencontro, segundo a atriz, provocou uma nostalgia entre atores e equipa técnica. "Comentou-se a vontade de fazer uma sequela com o tempo merecido, mas não é nada garantido. É só um desejo que eu vou pôr na minha lista do Pai Natal", disse, entre risos.


A intérprete portuguesa voltou a contracenar com Colin Firth de quem diz ser "ótimo ator, um gentlemen e um ótimo colega". Sem adiantar pormenores sobre a trama que vai mostrar como está a vida das personagens 14 anos, Lúcia Moniz antecipa apenas que o público poderá ver a Aurélia "feliz, um bocadinho mais sofisticada e a falar melhor inglês".



A continuação de "O Amor Acontece" vai ser exibida na BBC One a propósito do evento anual de angariação de fundos Red Nose Day, da organização de solidariedade Comic Relief, no próximo dia 24, e contará com as participações de parte do elenco original: Liam Neeson, Thomas Brodie-Sangster, Hugh Grant, Martine McCutcheon, Keira Knightley, Andrew Lincoln, Colin Firth, Bill Nighy, Marcus Brigstocke, Olivia Olson, Rowan Atkinson e, claro, Lúcia Moniz.



Enviar um comentário